Os pilotos da ZCUPPT não estiveram parados durante a longa paragem estival e aproveitaram para aprimorarem trajectórias, pontos de travagem e de aceleração e para melhorarem as suas montadas (deflector de vento PUIG Sport e pastilhas GALFER GP).

Mas do que gostam mesmo é da emoção das corridas e após esta longa paragem, no fim-de-semana de 23/24 de Setembro, a caravana da ZCUPTP rumou ao circuito do Estoril para a 4ª prova do CNV Moto para se despedir do verão, com dois dias perfeitos para fazer aquilo que mais gostamos no sítio certo!

Todos os pilotos marcaram presença incluindo o líder actual da Copa (Frédèric Bottoglieri) apesar de estar algo enfraquecido depois de 5 dias acamado com uma virose.  Partilhando a moto Z01, o jovem piloto (25 anos) Miguel Vilares voltou ás lides depois de as ter abandonado em 2010 onde chegou a militar nas classes Promocup e Superstock 600 com a equipa AG Racing sempre com bons desempenhos, desde cedo mostrou que quem sabe não esquece.

Com um dia soalheiro, as “Zs” da ZCUPPT integradas no Troféu ENI TLC, encontraram uma caravana mais afoita e capaz tendo conseguido mesmo assim classificar 4 das suas motos no top 10 da grelha de partida, com Pavel Bogdanov (Z07) colocado a sua Z900 a meio da 2ª linha com 1:54,971, tendo Frédèric Bottoglieri (Z11) ficado logo atrás e o duo Paulo Vicente/ Miguel Vilares (Z01) fechado a 3ª linha logo seguidos de Miguel Sousa (Z57) a completar o top10. Joaquim Boavida (Z20) fechou o top 20 com a única Z800 em pista registando 2:12,868.

Na Corrida 1, Bottoglieri e Vicente fazem um bom arranque, conseguindo a Z11 liderar á geral na volta 1 com a Z01 em 4º e Bogdanov em 6º! Mas a liderança á geral da Z11 foi contestada volta-a-volta num duelo sem fim tendo Bottoglieri, a rodar no segundo 53, conseguindo vencer nas Zs e terminado num excelente 2º lugar da geral. Cá atrás, Vicente (Z01) começa a perder ritmo a partir da 3ª volta e é ultrapassado por Bogdanov (Z07) que consegue subir a 5º da geral e registar o seu melhor tempo do fim-de-semana com 1:54,711. Logo a seguir ao último lugar do pódio, ficou Sousa (Z57) que sobe a 9º da geral num crescendo de ritmo conseguindo o seu melhor tempo na última volta com 1:54,901, tendo Boavida (Z20) terminado num tranquilo 19º lugar com a única Z800 presente.

Na Corrida 2, a Z01 agora pilotada por Miguel Vilares, posiciona-se como a melhor Z na 4ª posição da geral desde a 1ª volta, rodando no segundo 54 feito que mantém durante as 4 primeiras voltas!!  Bottoglieri (Z11) falha uma mudança de caixa no arranque, atrasa-se, mas sobe á liderança das Zs por troca com Vilares (Z01) á 5ª volta, posição que não mais largaria até ao final. Entretanto Bogdanov (Z07) consegue recuperar de um mau arranque e inicia, á 6ª volta, um duelo sem tréguas com Vilares (Z01) lutando estes pilotos volta-a-volta, curva-a-curva, conseguindo Bogdanov levar a melhor no final da última volta e assim arrebatar o 2º lugar das Zs e 6º da geral! Sousa (Z57) repete a posição obtida na 1ª corrida (4º das Zs, 9º da geral) assim como Boavida (Z20) mas com este a obter a sua melhor volta de sempre no Estoril com 2:08,765!

A evolução das Zs não tem passado despercebida no paddock tendo o promotor registado um interesse crescente por esta fórmula com vários interessados a assumirem já compromissos para a época de 2018, tendo já sido actualizado o website em conformidade.

O excelente ambiente vivido na ZCUPPT continua a ser uma das suas imagens de marca com todos os pilotos desejosos de regressarem ás pistas para as próximas rondas do CNV Moto (14/15 e 28/29 de Outubro) e voltarem a fazer aquilo que mais gostam no sítio certo!